Você utiliza os gatilhos mentais? Eles podem fazer você vender mais!

Uma das estratégias mais eficientes para aumentar as vendas, é a utilização dos gatilhos mentais na comunicação com os clientes. Esses gatilhos mentais podem aparecer de diferentes formas, como por exemplo a curiosidade, o medo, a escassez. Por isso, muitos anúncios enfatizam expressões como “As últimas Unidades” ou, “Saiba como perder 5 quilos em 10 dias”.

Esses gatilhos mentais sempre são conectados a outro elemento essencial, que a solução de um problema, além disso, também vão exercer um papel muito importante, que é o de qualificar o seu público. Desta forma, quando as pessoas se deparam com uma frase como “Perca 5 quilos em 10 dias”, automaticamente as pessoas que não precisam perder peso vão ignorar o teu anúncio, e isso é algo positivo, pois não é bom para o vendedor dedicar tempo em pessoas que não vão se tornar seus clientes. O gatilho mental seleciona as pessoas que tem um problema que pode ser solucionado por um vendedor específico.

É importante entender que o anúncio tem três elementos: a imagem, o título e o texto, e todos esses elementos devem servir como gatilhos mentais. A imagem serve para captar a atenção das pessoas. Muitas pessoas não estão vendendo o que poderiam, por acreditar que a imagem não é vendedora, mas ela é! Pense bem, leva menos de um segundo para uma imagem passar em frente ao seus olhos, e o vendedor precisa ser inteligente para fazer as pessoas pararem quando estão deslizando o dedo na tela no celular. A imagem é o primeiro gatilho mental.

Quando a pessoa parar, ela é abordada pelo segundo gatilho mental, pois o cliente vai ter contato com título do anúncio. E se esse título tiver um gatilho mental, essa pessoa vai ler o texto. E esse texto precisa ser curto e deve conter elementos que fazem com que as pessoas passem a acessar os teus canais e interagir com o vendedor para efetivar uma compra.

Todo bom vendedor precisa utilizar esses gatilhos quando vai fazer uma venda. Pois eles podem economizar tempo e dinheiro, além de multiplicar as vendas, aumentando o seu faturamento desde o momento que você implante esta maneira de se comunicar com seu cliente.

Venda mais: não se prenda ao mercado local!

O mundo das vendas nunca mais foi o mesmo com o avanço da internet, as relações mudaram e as formas de vender também. Um novo campo, muito amplo, possibilitou que um produto que só era encontrado em uma parte do mundo pudesse ser comprado e utilizado do outro lado.  

Essa revolução causou estranhamento no início, pela forma impessoal de relacionamento entre quem vende e quem compra, contudo, com os avanços e a evolução do consumo as vendas online conquistaram o público.

Quem aí nunca pesquisou um celular, eletrodoméstico ou mesmo uma roupa de uma marca especifica pela internet? Tudo está a um toque de comprar ou não.

Em uma cidade de 17 mil habitantes, muitos deles provavelmente já compraram algum produto de uma empresa de São Paulo, do nordeste do Brasil, ou quem sabe até de fora do país.

Isso quer dizer o quê?

Que para quem vende, ou seja, para quem está do outro lado do balcão, a internet possibilitou um novo horizonte, pela capacidade de ampliação dos negócios, porém também significou que o seu concorrente não é mais o vizinho do quintal do lado, ele pode estar do outro lado do país ou do oceano.

Por esse motivo, com um concorrente globalizado, se você ficar preso ao mercado local, você terá dificuldades.

Mas para você, que por exemplo, possui um mercado, você não precisa vender para outra cidade ou estado, mas precisa entender como atrair as pessoas para o seu negócio

A grande chave da questão é mesmo você lutando com uma concorrência globalizada, você está atraindo e cativando o público para o teu mercado, vislumbrando ampliar as vendas sou mesmo conquistar novos mercados.