Teu cliente tem muitas “dores” aprenda a curá-las e você vai vender mais!

Quer aprender uma maneira eficiente de captar novos clientes? É uma técnica muito eficiente, mas primeiro é preciso que você entenda que o ser humano a gasta dinheiro por impulso ou por uma necessidade que eu costumo chamar de “dor”. Ou seja, existe uma dor, e para eliminar essa dor, é preciso comprar um determinado produto ou serviço.

O vendedor precisa entender quais são as dores que o seu produto ou serviço solucionam, e, principalmente, em quais pessoas o seu produto funciona. Porque quando o vendedor entende que o seu produto traz soluções para as pessoas, ele muda a maneira com que se comunica com as pessoas, ou seja, ele para de gastar o dinheiro em publicidade e propaganda sem retorno.

É preciso entender um processo que se chama “Jornada do Consumidor”. Pois todas as pessoas, antes de comprar algo, passam por um processo. E esse processo tem algumas etapas: Inicialmente elas estão no estágio de “tranquilidade”, ou seja, elas não estão preocupadas com um determinado produto ou serviço. Mas em um certo momento, elas podem entender que aquele produto pode suprir a uma necessidade que elas têm.

Mas para que isso aconteça, é preciso que essa pessoa seja movimentada, ou seja, que ela seja tirada do estágio de “tranquilidade”. Existem diversas maneiras de movimentar os clientes, uma das maneiras mais eficientes é a “prova social”, ou seja, quando os clientes contam publicamente como era a vida deles antes de comprar um produto ou serviço, e como ficou a vida deles depois.

Muitas vezes as pessoas não estão conectadas com uma determinada “dor”, mas quando elas têm contato com a prova social, elas passam a se conectar com aquela “dor”. Quando isso acontecer, as pessoas vão começar a observar mais o seu produto. Neste momento elas vão passar a ser pesquisadoras, e durante o processo de pesquisa, algumas objeções irão aparecer. É importante que o vendedor saiba quais são as objeções que irão aparecer, e as elimine. Isso é possível criando conteúdo, ou seja, explicando, falando, instruindo, construindo valor sobre o produto, ou a marca. É preciso entender o motivo que faz as pessoas deixarem de comprar um produto, e aprender a resolver essas objeções.

A partir daí elas se tornarão seus compradores. Tem uma frase que eu utilizo bastante que é “O que determina o nível de compra de um consumidor está relacionado ao nível de dor que ele tem em relação a um problema”. Enquanto você não entender isso, você vai continuar fazendo propaganda medíocre, e não vendendo na quantidade, ou no volume que você precisa vender.

Deixe uma resposta